COMPRA -VENDE-AVALIA POSTAIS ,SELOS,VÁRIOS PAPEIS ,SELOS,LOUÇAS,BRINQUEDOS, MAQUINAS FOTOGRÁFICAS,CANETAS,RELÓGIOS,LIVROS,B.D. CADERNETAS E CROMOS,FULMINISMO,VITOFILIA, RÓTULOS DE VÁRIOS ARTIGOS.TUDO EM PAPEL E ANTIGO



Recheios *COMPRO*

DE TODO O TIPO (CASAS ,LOJAS,GARAGENS,ARMAZENS,INSOLVENCIAS TUDO O QUE TIVER INTERESSE EM VENDER

lista de produtos
POSTAIS

 

 
O BILHETE POSTAL
 

Embora a existência oficial do primeiro postal, posto a circular na Àustria, date de 1 de Outubro de1869, o seu aparecimento deu-se no ano de 1856. Este pequeno rectângulo veio facilitar muito a comunicação escrita pelo que a sua aceitação e difusão por todo o Mundo foi muito rápida . Em todos os Países Europeus e Estados Unidos e mesmo Oceânia e Países Africanos,.começaram a produzir grandes quantidades de postais. Rápidamente foi também aproveitado, pelo facto de se tornar um meio de difusão de enorme visibilidade como um excelente meio de publicidade. Aparece o postal ilustrado que atinge o auge no dobrar do Séc.XIX-XX, especialmente aquando da Exposição Universal de Paris em 1900. Milhões de postais foram produzidos e coleccionados, devido há sua beleza. A loucura, assim se pode dizer, durou até á Primeira Guerra Mundial. Numerosos e famosos Artistas, Pintores, Fotógrafos, etc. deixaram o seu nome ligado á ilustração de postais . Os temas eram os mais variados dependendo do fim a que se destinavam para além da própria mensagem escrita que transmitiam.

A imagem feminina, elegante, com vestidos vaporosos, gestos e atitudes cheias de beleza, volúpia e sensualidade são temas do mundo do postal no início do Século XX. O seu declínio dá-se com a Primeira Guerra mundial, embora até hoje seja um meio de comunicação muito utilizado e um tema de coleccionismo espalhado por todo o Mundo

 

lista de produtos
MILITARIA

Militaria são artefatos ou réplicas das forças armadas , polícia , etc, coletados por seu significado histórico. Tais antiguidades incluem armas de fogo, espadas, facas e outros equipamentos, tais como,uniformes , capacetes , outro militar touca e armaduras ; militares ordens e decorações ; moedas desafio e prêmios, insígnias, botões e insígnias ; arte militar, esculturas e gravuras ; coisas efêmeras , comocartões de cigarro , fotografias, antiquários livros, revistas e cartazes, maquetes e soldados de brinquedo, e itens de equipamentos de combate e equipamentos de campo .

 

lista de produtos
PAPEIS DE VALOR E SELOS FISCAIS

imposto do selo é o imposto mais antigo do sistema fiscal português,

tendo sido criado por alvará de 24 de Dezembro de 16601 .

Incide sobre todos os actos, contratosdocumentostítuloslivros,

papéis, e outros factos previstos na tabela geral,

incluindo as transmissões gratuitas de bens.

O colecionismo de selos fiscais compõe uma seção da Filatelia Tradicional

restrita à coleções de papéis selados e selos adesivos para uso fiscal.

Os impostos lançados pelo Estado constituem uma das fontes principais das

receitas públicas para o funcionamento da sua Administração. São
imposições legais sem uma contraprestação específica. O primeiro, e de
carácter nacional, como todos, foi a sisa lançada por D. Fernando I, no
século XIV, de que não se conhece documento de quitação.
· O imposto diferencia-se da Taxa, onde há lugar a pagamento de um serviço
correspondente.
· Entre os impostos, o principal foi, nos últimos três séculos, o Imposto de
Selo, tendo sido, a seguir ao imposto sucessório, o ramo mais vasto e
complexo do direito tributário.

lista de produtos
MOEDAS E NOTAS- MEDALHAS

 

Distingue-se numismática do colecionismo uma vez que a primeira trata do estudo das moedas, ao passo que o colecionismo está mais relacionado à posse das moedas. O uso do termo "numismática" como sinônimo de colecionismo está relacionado ao fato de muitos estudiosos também possuírem coleções particulares, e de colecionadores, por vezes, efetuarem breves pesquisas sobre suas moedas.

Há também de se considerar que no início a numismática se desenvolveu dentro das coleções de museus europeus, e, na falta de informação, dependia inteiramente daanálise "palpável" dos exemplares. Por tanto, se fazia necessário possuí-los.

Na atualidade, desenvolveu-se também o conceito de colecionar moedas como forma de investimento, visto que as moedas costumam se valorizar com o passar dos anos e, dessa forma, podem garantir lucro aos “investidores” no momento da revenda. Mesmo a coleção de moedas recentes pode se tornar uma fonte de forte valorização. Há vários casos de moedas recentes valorizarem até 5000% comparado ao valor de face.

Notafilia compreende o estudo e a pesquisa do escrito particular (cédulabilhete ou nota, normalmente em papel) que representa a moeda de curso legal.

lista de produtos
LIVROS

Em Portugal, a imprensa foi introduzida no tempo do rei D. João II. O primeiro livro impresso em território nacional foi o Pentateuco, impresso em Faro em caracteres hebraicos no ano de 1487. Em 1488 foi impresso em Chaves o Sacramental de Clemente Sánchez de Vercial, considerado o primeiro livro impresso em língua portuguesa, e em 1489 e na mesma cidade, o Tratado de Confissom. A impressão entrava em Portugal pelo nordeste transmontano. Só na década de noventa doséculo XV é que seriam impressos livros em Lisboa, no Porto e em Braga.

lista de produtos
MÁQUINAS FOTOGRÁFICAS E FOTOS *CANETAS

A ideia de uma máquina simples foi criada pelo filósofo grego Arquimedes, no século III a.C., que estudou as máquinas "Arquimedianas": alavanca, polia, e parafuso. Arquimedes também descobriu o princípio da alavancagem. Mais tarde outros filósofos gregos definiram as cinco máquinas clássicas (excluindo o plano inclinado) e foram capazes de calcular sua alavancagem. Heron de Alexandria (ca. 10–75 AD), em seu trabalho Mecânica lista estes cinco mecanismos que podem colocar uma carga em movimento: alavanca, molinete, polia, cunha e parafuso,5 e descreve sua fabricação e usos.8 Porém o conhecimento grego se limitava a máquinas simples, que operavam através do balanço de forças, sem incluir a dinâmica, comparações entre força e distância, ou o conceito de trabalho.

Máquina é um dispositivo que utiliza energia para atingir um objetivo pré-determinado. Na física, é todo e qualquer dispositivo que muda o sentido ou a intensidade de uma força.

lista de produtos
BRINQUEDOS

Até o final do século XIX, a maioria dos brinquedos eram fabricados em casa, ou fabricados artesanalmente.

Atualmente, a grande maioria dos brinquedos são fabricados em massa, e comercializados.

A partir da segunda metade do século XX,

vários países criaram leis que proíbem a venda de brinquedos considerados perigosos -

por exemplo, por conterem materiais tóxicos ou partes que se soltam facilmente -

ou que não possuem claros avisos - por exemplo,

não recomendado para menores de três anos de idade por conter materiais

que podem ser engolidos pela criança.

Tais leis também dão ao governo o direito de recolher do mercado

todos os produtos que não atendem às especificações necessárias.

lista de produtos
DISCOS VINIL

 

O disco de vinil surgiu no ano de 1948, tornando obsoletos os antigos discos de goma-laca de 78 rotações

- RPM (rotações por minuto) -, que até então eram utilizados. Os discos de vinil são mais leves,

maleáveis e resistentes a choques, quedas e manuseio (que deve ser feito sempre pelas bordas).

Mas são melhores, principalmente, pela reprodução de um número maior de músicas

- diferentemente dos discos antigos de 78 RPM -

(ao invés de uma canção por face do disco), e, finalmente, pela sua excelência na qualidade sonora,

além, é lógico, do atrativo de arte nas capas de fora.

 

lista de produtos
LOUÇAS ANTIGAS

As peças de cerâmica mais antigas são conhecidas por arqueólogos foram encontradas na

Tchecoslováquia, datando de 24,500 a.C. Outras importante peças cerâmicas foram encontradas no Japão,

na área ocupada pela cultura Jomon há cerca de oito mil anos, talvez mais.

lista de produtos
VITOFILIA E CINZEIROS

Pela originalidade e importância de sua coleção de anéis ou vitolas vamos, nesta ocasião, a seu excelente trabalho na área de vitolfilia.O hobby de colecionar tem adeptos em todo o mundo. Assim, a coleção em uma ordem lógica, atenida a vários parâmetros de classificação, quer fotografias, selos, postais, moedas, borboletas, caracóis, pontos de vista e anéis de charuto, entre vários outros colecionáveis, cresce em um comércio que exige disciplina rigorosa.

cinzeiro é um recipiente que serve para colocar as cinzas dos cigarroscigarrilhascharutos e cachimbos, e estes depois de serem fumados. Pode ser feito demetalplásticovidrocerâmica etc. O cinzeiro pode, também, servir de objecto decorativo.

lista de produtos
LAMINAS DE BARBEAR E MAQUINAS

Um barbeador ou aparelho de barbear é um instrumento utilizado para remover os pelos faciais, protegendo a pele ao mesmo tempo. Nos aparelhos atuais, as lâminas eliminam a possibilidade de lesão grave, o que as torna mais tolerantes do que uma navalha. No Brasil, os barbeadores em forma de "T" são chamados genericamente por giletes, num caso de marca registrada que passou a designar um produto genérico, em referência à marca ?

Numa vida média de 50 anos, 80 a 100 dias são empregados pelos homens só no ato de fazer a barba. Ignora-se o que as mulheres fazem com esse tempo.

lista de produtos
CAIXAS

A memória não é uma caixa de imagens. A memória é apenas uma moldura que delimita o espaço de um quadro, mas que lhe ignora o tempo, que mistura as cores e as formas numa espécie de cadinho adormecido sobre o aparador da infância. E depois, um dia, a necessidade ou a imaginação despertam-na, e ela transforma-se em fábrica de sonhos e de ilusões, um pouco mais de emoção aqui, um diálogo retocado acolá, bruscamente as imagens todas rodopiam sobre si próprias e, quando de novo se aquietam, quando se tornam suficientemente nítidas para poderem ser evocadas, quem pode dizer que foi esse o lugar que elas ocupavam quando tudo se passou, quem se atreve a garantir que tudo se passou assim mesmo, quem ousaria jurar que alguma coisa se passou?

HA CAIXAS FEITAS DE TUDO E PARA TUDO ,E ATE DE SEGREDO ,NEGRAS E BRANCAS ,COM FORMAS E AS CORES ,LISAS,BANCARIAS E ATE CHINESAS

lista de produtos
TOUROS

A temática tauromáquica, pelos modos de vida das pessoas ligadas aos toiros como os Ganadeiros,

Campinos, Cavaleiros Amadores, e passa por muitos e muitos outros exemplos da cultura tauromáquica,

da qual dependem directa ou indirectamente dezenas, talvez centenas de milhares de pessoas em todo o mundo

lista de produtos
EMBLEMAS

Emblemaempresa ou divisa é uma associação de uma imagem pictórica com uma legenda, que representa um conceito ou uma entidade. Sobretudo, entre os séculos XV e XVIII, designaram-se "emblemas", cada um dos conjuntos constituídos por uma imagem enigmática acompanhada por uma frase que ajudavam a decifrar um sentido oculto moral, que era explicado por um texto em verso ou em prosa.

lista de produtos
ROTULOS

Rótulo é toda e qualquer informação referente a um produto que esteja transcrita em sua embalagem.

O Rótulo acaba por ser uma forma de comunicação visual, podendo conter a marca do produto e informações acerca deste

. É uma forma de dar alguma vida a uma embalagem.

lista de produtos
CAIXAS E CARTEIRAS DE FOSFOROS

O MUSEU DAS CAIXAS DE FOSFOROS EM TOMAR E UM DOS MAIS RICAS DO MUNDO EM QUANTIDADE E QUALIDADE E DIVERSOS 

A colecção foi doada à Câmara em 1980, por Aquiles da Mota Lima.
Reúne mais de 80 000 objectos, entre caixas, carteiras e etiquetas de fósforos, que faz apresentação peculiar da história e da cultura universal. 
Esta colecção  filuminísta é uma das maiores da Europa. Dá a conhecer a introdução e o fabrico dos fósforos em Portugal, desde os primeiros integrais, até aos amorfos dos nossos dias. A beleza das imagens contém uma variada informação temática de natureza histórica e científica.

 

Foi nos Estados Unidos que Alonzo D. Phillips de Springfield obteve, em 1836, uma patente para “fabricar fósforos de fricção” e os chamou “locofocos”. Mas o perigo ainda era grande e só foi resolvido após a descoberta do fósforo vermelho, em 1845. Foi o sueco Carl Lundstrom que introduziu em 1855 fósforos seguros, também chamados fósforos de segurança. Além de ser fabricado com fósforo vermelho, para uma maior segurança, seus ingredientes inflamáveis foram colocados em dois locais distintos: na cabeça do palito e do lado de fora da caixa, junto com o material abrasivo.

lista de produtos
PUBLICIDADE

EM VARIOS TIPOS  DE MATERIALA publicidade pode assim dar-nos uma perspectiva privilegiada sobre a evolução do gosto e dos valores, o jogo inconstante do que muda e do que permanece, as relações entre a identidade nacional e as imagens do estrangeiro. O que a torna tão interessante é precisamente essa sua capacidade de misturar aquilo que costuma andar separado. Aqui, é possível reunir nas mesmas páginas margarinas e automóveis, homens poderosos e donas de casa, o tradicional e conservador ao lado do arrojado e sofisticado. Em princípio, não há limites para o estudo da publicidade. Esta leitura procura acompanhar os modos como os próprios anúncios invadiram o quotidiano e entraram em todos os espaços e momentos da existência humana. «Foi Você Que Pdeiu Uma História da Publicidade?» é, assim, o resultado de escolhas difíceis. Muitos anúncios ficaram por mostrar e temas por tratar. O que fica, espera-se, conta ainda coisas que normalmente não podemos ler em livros de história. Sobre o século passado, sobre Portugal, mas também, e fundamentalmente, sobre cada um de nós.»

lista de produtos
MATA -BORRÕES E MARCADORES DE LIVROS

A maior utilização do papel mata-borrão foi como absorvente de tinta, quando se usava penas ou canetas de tinta-permanente na escrita. O papel era usado no final da escrita de uma carta ou documento para absorver o excesso de tinta que ainda não tinha secado ou quando sucedia um derrame para evitar o alastramento da nódoa.

As folhas de papel mata-borrão, tanto em folhas individuais, ou agregadas numa peça oscilante faziam parte do típico material de escritório até ao final dos anos setenta.

Para além de serem coloridos e originais, com estes marcadores evitam-se as dobras nas folhas dos livros e cadernos!

lista de produtos
PECHIBEQUES

Significado de Pechibeque no dicionário de Português: Prov. Pelintra.

lista de produtos
JORNAIS

A emergência dessa nova forma de mídia no século 17 tem um grande conexão com a expansão da imprensa por causa da invenção da prensa móvel.9 O jornal em alemão Relation aller Fürnemmen und gedenckwürdigen Historien, impresso a partir de 1605 por Johann Carolus em Estrasburgo, é normalmente reconhecido como o primeiro jornal da história

lista de produtos
PRÉ FILATELIA, FILATELIA, MARCOFILIA

Glossário

Série Completa -Conjunto de selos emitidos dedicados ao mesmo assunto constituído por um exemplar de cada valor.

Quadra - de quatro selos de cada valor em bloco
Série Estrangeiro – emissão conjunta 

Conjunto de selos emitidos por um país estrangeiro dedicados ao mesmo tema de uma emissão Portuguesa.

Etiquetas 

Etiquetas autocolantes dedicadas a um tema com taxa impressa (taxas de correio normal e correio azul) que se encontram nas máquinas automáticas de venda de etiquetas.

Atualmente existem quatro tipos de máquinas – Crouzet; Amiel; SMD e E-Post.

Série Corporate

O Selo Corporate consiste na associação ao selo postal tradicional de uma outra componente - designada “tarja” - contendo logo de marca, evento ou slogan promocional e é sempre associado a uma emissão se selos.

Quadra Corporate 

Conjunto de quatro selos corporate de cada valor em bloco.

Folha 

Constituída por 25, 50 ou 100 ou 120 e180 selos de cada taxa da emissão a que diz respeito.

Folha Corporate 

Constituída por 10 ou 20 selos corporate de cada taxa da emissão a que diz respeito.

Folha Especial 

Série ou séries inseridas em folhas que normalmente contêm 8, 10, 12 ou 16 selos.

Bloco Especial 

Peça filatélica onde podem estar inseridos um ou mais selos que podem ser iguais ou diferentes da emissão.

Folha Miniatura-Peça filatélica composta por vários selos iguais entre si, iguais aos

selos da emissão ou ainda todos diferentes entre si e também diferentes da série.
Sobrescrito 1º Dia com Série Completa Sobrescrito com impressão alusiva à emissão no qual se encontram afixados os selos correspondentes,

obliterados com o carimbo comemorativo do primeiro dia de circulação.
Sobrescrito 1º Dia com Bloco EspecialSobrescrito com impressão alusiva à emissão no qual se encontra afixado o bloco especial correspondente, obliterado com o carimbo comemorativo do primeiro dia de circulação.
Sobrescrito 1º Dia com Folha Miniatura Sobrescrito com impressão alusiva à emissão no qual se encontra afixada a folha miniatura correspondente, obliterada com o carimbo comemorativo do primeiro dia de circulação.

Sobrescrito Moeda Sobrescrito com impressão alusiva ao evento no qual se encontram afixado selos ou bloco especial obliterados com o carimbo comemorativo do primeiro dia de circulação. Contém ainda uma moeda comemorativa.
Álbum para sobrescritos de 1º diaÁlbum com capa de cor vermelha escura e dez sacas plásticas que se destinam a acondicionar os sobrescritos de 1º dia com série completa.
Álbum com sobrescritos de 1º dia

Álbum com capa de cor vermelha escura com todos os sobrescritos de 1º dia com série completa emitidos ao longo do ano.

Coleção Anual de Pagelas 

Conjunto de todas as pagelas anunciadoras das emissões emitidas durante o ano.

Inteiro Postal Objeto postal com a franquia impressa.
Bilhete Postal Simples Bilhete postal ilustrado, reproduzindo o motivo ou tema de cada selo de uma emissão.
Bilhete Postal Máximo Bilhete postal ilustrado, reproduzindo o motivo ou tema de cada selo de uma emissão, que é colado e obliterado com o carimbo comemorativo do 1º dia de circulação.  
Livros Temáticos de Coleção Livros numerados com tiragem limitada, alusivo a um determinado tema com material filatélico
Portugal em Selos Livro anual com todas os selos, blocos especiais e folhas miniatura emitidos durante o ano.Livro numerado com tiragem limitada.
 Álbum de Selos Álbum anual que reúne os selos das emissões mais relevantes e aliciantes emitidas ao longoda historia dos correios . Este álbum, editado a pensar nos jovens, tem a particularidade de ser organizado pelo próprio, levando-o a despertar para novos interesses e conhecimentos.

todo o resto de colecçionaveis classificados por categoria a  que diz respeito

         obrigado                                              

 

lista de produtos
VIDROS ANTIGOS

Foi só no século XVIII que se estabeleceu em Portugal a indústria vidreira — na Marinha Grande — e ainda hoje esta existe. Anteriormente, há notícia, desde o século XV, da existência de alguns produtores artesanais de vidro. É conhecido o labor do vidreiro Guilherme, que trabalhou no Mosteiro da Batalha. O vidro era obtido através da incineração de produtos naturais com carbonato de sódio (erva-maçaroca

lista de produtos
CARDENETAS E CROMOS

passatempo de colecionar figurinhas consiste em completar o álbum, comprando novos pacotes e trocando as figurinhas repetidas com outros colecionadores. Há vários temas que podem ser abordados por coleções de cromos, como esportesmúsicaprogramas de TV e personagens de História em Quadrinhos Há inclusive clubes de colecionadores em diversas cidades, mas a maior aglomeração de aficcionados está na Internet.

lista de produtos
CINEMA

O cinema é um artefato cultural criado por determinadas culturas que nele se refletem e que, por sua vez, as afetam.

É uma arte poderosa, é fonte de entretenimento popular e, destinando-se a educar ou doutrinar,

pode tornar-se um método eficaz de influenciar os cidadãos

Os filmes são assim constituídos por uma série de imagens impressas em determinado suporte,

alinhadas em sequência, chamadas fotogramas. Quando essas imagens são projetadas de forma rápida e sucessiva,

o espectador tem a ilusão de observar movimento.

A cintilação entre os fotogramas não é apercebida devido a um efeito conhecido como persistência da visão:

olho humano retém uma imagem durante uma fração de segundo após a sua fonte ter saído do campo da visão.

O espectador tem assim a ilusão de movimento, devido a um efeito psicológico chamado movimento beta.

 

 

lista de produtos
TRANSPORTES

Transporte é o movimento de pessoas e mercadorias entre locais.

O campo de transporte apresenta diversas características a nível de infraestruturaveículos e operações comerciais.

Por infraestrutura entende-se a rede de transporte rodoviária, ferroviária,

aérea, fluvial, tubular, etc. que é usada, assim como os terminais como estradas,aeroportos,

estações ferroviárias, portos, terminais de autocarro e todo o tipo de equipamento similar.

Os veículos, como automóveis, bicicletas, autocarros, comboios e aviões,

ou as próprias pessoas ou animais quando viajam a pé, geralmente trafegam por uma qualquer rede

As pessoas, com ou sem cargas, podem se deslocar somente com o próprio

movimento do corpo ou tracionando veículos diretamente, individual ou em grupo de pessoas.

Esse tipo de transporte por ser realizado tanto em terra, no ar, na água ou até no espaço sideral.

lista de produtos
PEÇAS RARAS E UNICAS

APRESENTO VARIAS PEÇAS QUE SÃO UNICAS E DE COLECÇÃO

lista de produtos
VINHETAS OU CINDERELAS

Após uma intensa campanha de marketing,procurei dar um nome a publicidade que encomtrei nos selos  que passo a meter como vinhetas ou cInderelas ,ou selos poster

Em Portugal, a exemplo do que aconteceu nos outros países, a publicidade teve, durante séculos, um pendor marcadamente oral. Na fase correspondente aos anos 20 e 30, antes do aparecimento da rádio, os suportes da publicidade eram maioritariamente a imprensa escrita.

«É impossível ter uma ideia de quantos anúncios foram feitos na história da publicidade.Podemos até experimentar alguns critérios de selecção: circunscrever a análiseno tempo (reduzindo-a ao século XX), no espaço (limitando-a a Portugal) e no suporte (não indo além das publicações periódicas). O material disponível permanece infindável. Vivemos rodeados de anúncios, mas a sua omnipresença é tal que deixámos de reparar neles. Este site procura chamar a atenção para alguns desses anúncios e arrumá-los numa narrativa, que é a do século XX, num contexto, que é o da sociedade portuguesa, e num género, que é o da publicidade atravez dos selos. Chamar a atenção’ quer dizer convidar o visitante a olhá-los de novo, a relacioná-los com outros anúncios, com as suas memórias pessoais e com a memória histórica da sua sociedade.

 

VARIOS SELOS ,SEM FRANQUIA E COM FRAQUIA chamados  de tal

lista de produtos
Teatro

Existem várias teorias sobre a origem do teatro. Segundo Oscar G. Brockett, nenhuma delas pode ser comprovada, pois existem poucas evidencias e mais especulações. Antropólogos ao final do século XIX e no início do XX, elaboraram a hipótese de que este teria surgido a partir dos rituais primitivos (History of Theatre. Allyn e Bacon 1995 pg. 1). Outra hipótese seria o surgimento a partir da contação de histórias, ou se desenvolvido a partir de danças, jogos, imitações. Os rituais na história da humanidade começam por volta de 80.000 anos AC

lista de produtos
ROTEIROS DE TURISMO NACIONAIS E ESTRANGEIROS

 

Secretariado Nacional de Informação, Cultura Popular e Turismo - geralmente conhecido pela sua designação abreviada de Secretariado Nacional de Informação ou SNI - era o organismo público responsável pela propaganda políticainformação públicacomunicação socialturismo eação cultural, durante o regime do Estado Novo em Portugal.

Tinha sede no Palácio Foz, Praça dos Restauradores, Lisboa.

Desenvolveu uma ação importante na área das artes plásticascinemateatrodançaliteratura (com a instituição dos prémios literários), folclore, edição, etc.

O organismo foi criado em 1933, com a denominação de Secretariado de Propaganda Nacional (SPN), adoptando a designação "SNI" em 1945. Em1968 foi transformado na Secretaria de Estado da Informação e Turismo (SEIT).

Depois do 25 de Abril de 1974, a área de informação e comunicação social do antigo SNI/SEIT, deu origem à nova Secretaria de Estado da Comunicação Social (ocasionalmente, em alguns governos, elevada ao estatuto de ministério).

lista de produtos
BANDA DESENHADA DE TODOS OS TEMPOS

Banda desenhada, BD, história aos quadradinhos ou história em quadrinhos, quadrinhos, gibi, HQ, revistinha) é uma forma de arte que conjuga texto e imagens com o objectivo de narrar histórias dos mais variados géneros e estilos. São, em geral, publicadas no formato derevistaslivros ou em tiras publicadas em revistas e jornais. Também é conhecida por arte sequencial e narrativa figurada.

lista de produtos




NAO PREENCHER (anti-spam): ( deixe em branco )

Pedido de Informações
Precisa de informações adicionais? Não encontrou o que procurava? Não hesite em contactar-nos:

Conhece alguém que beneficiará da informação, produtos ou serviços disponibilizados nesta página? PARTILHE-NOS!